sábado, 6 de abril de 2019

DIA MUNDIAL DA ATIVIDADE FÍSICA

A Organização Mundial de Saúde, que instituiu a data para a prevenção do sedentarismo, aponta a inatividade física como o quarto principal fator de risco de morte no mundo. Sabe-se também que o sedentarismo é uma das principais causas de doenças cardiovasculares, diabetes, obesidade e outras doenças crónicas não transmissíveis.

A prática regular de exercício físico, seja ela vigorosa ou moderada, é um dos pilares do estilo de vida saudável e da Medicina AntiAging, contribuindo não só para uma melhor qualidade de vida, como também para uma melhor saúde e para uma maior longevidade.

Considera-se Atividade Física todo e qualquer movimento que tenha como consequência o gasto de energia. Já o Exercício Físico, é a atividade que mantém ou aumenta a aptidão física em geral, sendo esta a recomendada para exercitar o nosso corpo, prevenir doenças e aumentar a sensação de bem-estar. O Desporto consiste num conjunto de atividades sujeitas a regras específicas e, geralmente, com natureza competitiva. 

Em 2010, 33% dos portugueses diziam fazer exercício físico ou desporto com alguma ou muita regularidade — entre uma a cinco vezes por semana. Em 2014, o número desceu para 28%. Atualmente, apenas 26% da população portuguesa pratica exercício físico ou desporto entre 1 a 5 vezes por semana.

Um estudo do Eurobarómetro sobre desporto e atividade física, define “exercício físico” como nadar, correr no parque, ir ao ginásio ou fazer qualquer outra atividade que tenha como propósito específico “fazer exercício”, num contexto desportivo.

A prática de exercício físico frequente (a partir de 3 dias por semana) apresenta inúmeras vantagens, salientando-se:

  • evita o excesso de peso e a obesidade previne o aparecimento de doenças
  • reduz a tensão arterial
  • melhora a auto-estima
  • reduz o stress
  • retarda o envelhecimento
  • previne e trata problemas de sexualidade
  • contribui para a concentração e para o bem-estar físico e psíquico.




A prática desportiva ou de exercício físico, em geral, produz uma sensação de bem-estar e de leveza. No entanto, nem todas as pessoas estão aptas a nadar, correr ou levantar pesos, daí que a prática de exercício físico deva ser responsável, consciente e consentida, previamente, pelo médico.

Cuidar da saúde é uma das maiores prioridades da vida humana. Ter uma alimentação cuidada, fazer exercício físico, contrariar o sedentarismo, ter atividades de lazer e potenciar o bem-estar físico e emocional é determinante para aumentar a esperança de vida, com maior qualidade.

Se pratica exercício físico ou desporto e gostaria de potenciar os seus resultados, poderá fazê-lo mediante um teste específico que fornece informações acerca do tipo de exercícios que cada organismo está mais apto a realizar e como prevenir lesões.

Para mais informações, contacte-nos.


Bons treinos!!

Henrique Pedroso
Fisioterapeuta



Referências:
  1. https://www.calendarr.com/portugal/dia-mundial-da-atividade-fisica/
  2. https://www.publico.pt/2018/04/06/sociedade/noticia/falta-de-tempo-e-de-motivacao-afastam-os-portugueses-do-exercicio-fisico-1809278
  3. https://www.noticiasaominuto.com/lifestyle/771216/dia-mundial-da-atividade-fisica-uma-duzia-de-motivos-para-se-mexer-mais
  4. https://www.clinicadopoder.pt/pt/especialidades/saude-sexual-feminina/desporto
  5. https://veja.abril.com.br/saude/atividade-fisica-e-tao-eficiente-quanto-medicacao-para-tratar-pressao-alta/?ut


Sem comentários:

Publicar um comentário